quarta-feira, 7 de janeiro de 2015

"Quando está frio no tempo do frio, para mim é como se estivesse agradável,
Porque para o meu ser adequado à existência das cousas
O natural é o agradável só por ser natural."
Alberto Caeiro's poem. Photo by MaryLand